Pedágios começam a multar em cancelas automáticas

Os motoristas que utilizam as cancelas automáticas de cobrança dos pedágios precisam ficar atentos. Principalmente aqueles que possuem o péssimo hábito de passar acima da velocidade regulamentada. Desde o dia 11 de fevereiro, em alguns pedágios de São Paulo, já está valendo o modo de concessão que permite multar quem excede os 40 km/h.

De acordo com a Agência de Transportes do Estado de São Paulo, a exigência é uma questão de segurança para os motoristas. Carros que passam com velocidades superiores a 40 km/h nas cancelas geram um risco de colisão elevado.

Ainda segundo a Artesp, mesmo que a praça de pedágio não seja das novas concessões, os motoristas podem ser multados se circularem acima da velocidade nas cancelas automáticas. Isso porque o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e Polícia Rodoviária Militar podem registrar as multas. Os órgãos são os responsáveis pela aplicação e processamento das infrações.

Ainda não há previsão para outras praças de pedágios em outros estados aderirem a prática.

Dicas de segurança nas praças de pedágios:

Para evitar acidentes nas praças de pedágio, os usuários das pistas automáticas devem estar atentos a algumas regras:

  • Não entre na pista de pedágio automático se não tiver o tag ou se estiver  desabilitado
  • Respeite o limite de velocidade máxima de 40 Km/h ao passar pelo pedágio.
  • Mantenha distância de pelo menos 30 metros do veículo que está a sua frente.
  • Na entrada e passagem pela pista automática, mantenha velocidade constante e dentro dos limites definidos.
  • Fique atento em relação a veículos pesados ou em alta velocidade na passagem pela pista automática, esses veículos podem ter capacidade de frenagem inferior:
  • Caso a cancela não abra, aguarde as orientações de um funcionário da concessionária e
  • Mantenha o pisca-alerta do seu veículo ligado até o atendimento.

Fonte:  Jornal do Carro / EstadãoMídia News

Share This Post:

Nathália Emerick